22 abril 2014

Dia de faxina

| |


Ontem, quando estava deitada com meu marido assistindo tv ele olhou pra cima e disse:

- Nós tínhamos tudo isso em cima do armário?
- Quando olhei respondi:
- Não.
Ele riu e nós voltamos a ver tv, foi então que eu parei pra pensar, como foi que tudo isso foi parar lá? E em todos os outros cantos da casa? Quero dizer, como pode, nós dois, que não temos nem dez anos de casado já termos juntado tanta tralha?

Já sei, foi um pouquinho por dia, com uma caixa de presente de Natal, ou mais um jogo de cama do enxoval, então devagarzinho como quem não quer nada, um por um, cada qual do seu tamanho foram se amontoando lá sem que eu nem ao menos me desse conta. Por isso hoje não vou sair de casa! Vou é cuidar dela, vou tirar a poeira dos meus pensamentos, vou encerar antigas idéias e vou por na prateleira gestos, como a paciência e compreensão. E talvez com tudo arrumado e de alma lavada eu consiga espaço encima do armário para novas conquistas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário